Todos somos Igreja de Jesus Cristo e todos temos lugar no coração de Deus!

Nas comunidades paroquiais, temo-nos confrontado com o problema de como garantir que as pessoas com deficiência ou com dificuldades se possam alimentar da Palavra de Deus, se prepararem e recebam os sacramentos e vivam plenamente na Igreja.

Esta questão põe-se para crianças, jovens ou adultos. Directamente na catequese temos situações como:

  • Dificuldades familiares ou sociais
  • Problemas de comportamento
  • Deficiência física, intelectual ou sensorial
  • Doenças crónicas ou graves
  • Pessoas institucionalizadas ou isoladas.

Constatamos que algumas catequeses integram estas crianças/jovens, umas vezes vividas com êxito e outras com uma grande insegurança para as famílias, os catequistas e a comunidade.

Constatamos ainda que, em Portugal, as orientações dos Bispos do Centro, publicadas há vários anos, sobre o acesso das pessoas com deficiência aos sacramentos não são actualmente do conhecimento geral, o que provoca também, por vezes, insegurança.

A catequese dirigida a esta população anuncia a mesma mensagem do Evangelho da catequese em geral, só diferem os meios pedagógicos. Estes deverão ser adequados às capacidades físicas e intelectuais de cada um. A ligação com a comunidade paroquial e o trabalho em equipa devem ser privilegiados. Tendo em conta a imensa diversidade das situações concretas, o acompanhamento em catequese pode ser individual ou em pequeno grupo, nas paróquias ou nos locais mais apropriados.

Os encontros de catequese são um momento forte onde, a pouco e pouco, se tece a relação entre uns e outros e a relação com Deus. Há catequistas e algumas comunidades paroquiais que testemunham a revelação de Deus aos mais pequenos e aos mais frágeis e como esta experiência os faz crescer na sua própria fé.

Importa que as pessoas com deficiência ou dificuldades possam participar, com as suas famílias, em tempos fortes de celebrações paroquiais e diocesanas e nas grandes festas litúrgicas.

Reconhece-se que em Portugal as experiências desta catequese estão dispersas, não têm divulgação e carecem de enquadramento que permita a construção dum conhecimento partilhado e sistematizado. Nesse sentido o Serviço Pastoral a Pessoas com Deficiência propõe-se estimular a criação de equipas de referência e de coordenação que possam prestar apoio.  

Alice Caldeira Cabral | Maria Isabel Vale

Pretendemos partilhar experiências de catequese para pessoas com deficiência. Se tem conhecimento de materiais ou de estratégias utilizadas partilhe-as com todos. Envie um e-mail para: spastoral.pessoascomdeficiencia@gmail.com