Partilhamos o Comunicado de Imprensa do Movimento Fé e Luz

Jean Vanier, fundador da Arca e de Fé e Luz na luz de Deus

Paris, 7 de Maio de 2019

Jean Vanier, o fundador das comunidades da Arca e co-fundador (com Marie-Hélène Mathieu) de Fé e Luz, cuja vida foi consagrada ao acolhimento de pessoas com deficiência intelectual, faleceu no dia 7 de Maio às 2 horas e 10, com 90 anos em Paris.

Para o movimento Fé e Luz Internacional, o anúncio foi feito por Marie-Hélène Mathieu, co-fundadora, por Hoda Elturk, presidente do Conselho de Administração, por Raul Izquierdo Garcia, coordenador internacional e Corinne Chatain, secretária geral:

Jean teve uma vida duma imensa fecundidade. Marcou a história da ARCA e de Fé e Luz, assim dum grande número de pessoas como nós. Queremos dar graças por tudo isto. Jean enviou-nos todos em missão, faremos o melhor possível para responder ao seu desejo profundo para Fé e Luz: que a Boa Nova seja anunciada aos pobres.

Foi na Páscoa de 1971 que Fé e Luz  nasceu no fim duma peregrinação a Lourdes – com o nome de Fé e Luz – organizada por Jean e Marie Hélène, para responder ao sofrimento duma família que fora excluída das peregrinação a Lourdes devido à deficiência intelectual dos seus filhos. Actualmente, o movimento Fé e Luz tem 1450 comunidades de encontro onde se encontram regularmente pessoas com deficiência intelectual com os seus familiares e amigos, está presente em 85 países nos cinco continentes.

UMA PALAVRA QUE REERGUE AS PESSOAS HUMILHADAS

Para além de Fé e Luz e da ARCA, Jean inspirou a criação de numerosas associações e influenciou milhares de pessoas no mundo, ilustres ou anónimas. Infatigável artesão da paz, nunca deixou de dar testemunho sobre a riqueza da fraternidade com os mais frágeis e de desejar devolver às pessoas com deficiência intelectual a sua dignidade e o seu lugar na sociedade e na Igreja.

JEAN VANIER DEIXA UMA OBRA CONSIDERÁVEL

Jean publicou cerca de quarenta obras traduzidas em 29 línguas. Sabia colocar ao serviço das pessoas com deficiência intelectual o poder da sua eloquência, da sua inteligência, da sua força espiritual nos círculos religiosos ou laicos, profissionais ou políticos nos quatro cantos do mundo.

Jean Vanier recebeu numerosas distinções: Comendador da Legião de Honra (2017), Companheiro da Ordem do Canada (1992), o prémio Pacem in Terris (2013) e o prémio Templeton (2015).

(Ver o dossier de imprensa)

UMA VIDA COM IRRADIAÇÃO UNIVERSAL

Jean Vanier nasceu a 10 de Setembro de 1928 em Genebra. Com 13 anos, alistou-se no Colégio da Royal Navy em Dartmouth em plena segunda guerra mundial. Em 1945, quando o seu pai era embaixador do Canadá em Paris e a sua mãe, delegada da Cruz-Vermelha, Jean participa no acolhimento aos sobreviventes dos campos de concentração em Paris, o que o marca profundamente. O seu pai, George Vanier é nomeado Governador Geral do Canadá em 1959.

Jean sai da marinha aos 23 anos “para seguir Jesus e trabalhar para a construção da paz“. Em 1962, obteve um doutoramento em Filosofia. Em 1964, aos 36 anos, encontra o mundo da deficiência: “Visitei asilos e descobri um vasto mundo de sofrimento que ignorava absolutamente. Tinha conhecido um mundo de eficácia na marinha e depois um mundo intelectual durante os meus estudos académicos.”

Em Agosto de 1964, convida duas pessoas com deficiência intelectual a ir viver com ele numa casinha de Trosly-Breuil (na região do Oise) que batiza como “A Arca”. Ali partilham uma vida simples feita de entreajuda e de amizade. A Arca torna-se rapidamente pequena demais para acolher os voluntários sensibilizados pelas suas conferências e pelas próprias pessoas com deficiência. Os “lares” multiplicam-se em França e no mundo. Hoje em dia a Federação da ARCA 154 comunidades em 38 países.

Depois de ter preparado a sua substituição, o Jean retirou-se há mais de 20 anos das instâncias executivas da Arca e de Fé e Luz. Uma decisão exemplar para um fundador e uma grande marca de sabedoria. Desde essa altura tem-se dedicado à sua missão de testemunha da fraternidade com os mais humildes. Recebia na sua comunidade numerosos visitantes do mundo inteiro de todas as origens e de todas as condições.

« Morrer não é uma lâmpada que se apaga, é uma luz que se acende»

Site internet memorial : JeanVanier.larche.org

 

CONTACTO : Corinne Chatain, Fé e Luz Internacional – T +33 1 53 69 44 30 foi.lumiere@wanadoo.fr – www.foietlumiere.org – Facebook : Foi et Lumière international