O SPPD saúda a Arquidiocese de Braga e o Padre Tiago Varanda, por ocasião da sua ordenação, em 14 de Julho. Tiago Varanda é o primeiro cego a ser ordenado padre pela Igreja em Portugal e dá testemunho de uma Igreja que “promova o acolhimento de todos”.

O Arcebispo de Braga espera que mais pessoas cheguem à Igreja e que a própria Igreja “viva a inclusão, não fale só da inclusão”. D. Jorge Ortiga sublinha que “a sociedade teima na exclusão” e esta é também uma interpelação para a Igreja Católica, para que promova o “acolhimento de todos”. Com 35 anos, o Padre Tiago Varanda foi nomeado assistente do Departamento Arquidiocesano para a Pastoral das Pessoas com Deficiência e do Departamento Arquidiocesano de Educação Cristã de Adultos.

Em entrevista à Agência Ecclesia, antes de ser ordenado, o P.e Tiago Varanda dizia:

“Claro que, exteriormente, é diferente, as pessoas criam umas certas expectativas, se calhar nos primeiros tempos vão admirar, sei lá, achar surpreendente. Mas, com tempo, creio que isso se vai tornar normal e natural. E claro, vou precisar de algumas adaptações, uma ou outra na liturgia, desde logo o braille, não é… Não vou ler com os olhos, vou ler com as mãos”

Ver entrevista aqui